June 3, 2008

primavera sound em números

A verdade é que estes dias passados em Barcelona, bem espremidinhos, davam para um mês de converseta. Mas como não pretendo maçar o estimado leitor, tentarei ser o mais sucinta possível.
Assim, e enquanto organizo os meus pensamentos (se eu fosse uma proto-jornalista musical armada ao pingarelho, tinha tirado notas dos concertos no meu Moleskine. Mas como não sou...), as imagens e os vídeos destes 3 dias frenéticos mas maravilhosos, deixo-vos aqui um cheirinho daquilo que vão poder ler, ver e ouvir nas minhas próximas postas. Só para vos abrir o apetite...

- 39 concertos vistos (uns mais que outros...);

- 1 647 720 662 bytes em imagens e vídeos;

- Média de 6 horas dormidas por noite (nada mau!);

- Cerca de 13€ gastos em 12 viagens dentro da cidade de Barcelona (incluíndo o comboio de e para o aeroporto, cujo bilhete custava 2,60€);

- O mais barato no recinto: Chupito de Jägermeister - 1€, Garrafa de água de 1/2 L - 1€, Fatia de pizza - 3€ (basicamente, a minha dieta durante o festival, que se saldou nuns módicos 19€) e os discos;

- O mais caro no recinto: Imperial Estrella Damm de 1/2 L - 4€, Pacote de batatas fritas com ketchup e mayonnaise - 4€, Batatas selvagens fritas com guacamole - 8€ (de uma forma geral, a alimentação e as bebidas eram bastante caras);

- Cerca de 20 000 pessoas compareceram, por dia, no festival. 59 300 no total, 45% das quais vieram de fora de Espanha;

- Pelo menos 9 línguas diferentes faladas no interior do recinto, que eu tenha identificado (incluíndo castelhano e catalão);

- 5 novos CDs e 6 vinilos (4 12" e 2 7"), perfazendo um total de 103,25€ (ai!...);

- 1 lesão no tornozelo direito;

- 6 dunkin' donuts comidos em menos de 4 horas no dia do regresso (Dunkin' Coffee em Portugal, JÁ!).